quarta-feira, 5 de outubro de 2011

A música sertaneja também ensina

O cantor Marrone (da dupla sertaneja Bruno e Marrone) parece não ter ficado contente com sua última bola fora, quando pilotou um helicóptero sem a formação necessária e licença legal para isso, causou um acidente e deixou uma pessoa em estado grave no hospital, em maio deste ano. Parece que ele está se esforçando seriamente para queimar sua imagem: em um show realizado recentemente nos EUA, Marrone fez piadas de péssimo gosto, reforçando a imagem das mulheres submissas no casamento (confundindo esposa com empregada doméstica) e ofendendo explicitamente as brasileiras, chamando-as de "piranha". Obrigada, Marrone, por ajudar a divulgar o preconceito contra as mulheres brasileiras no exterior - o mundo já nos olha como prostitutas, mas sempre é possível piorar um pouco a nossa imagem lá fora!
Abaixo o vídeo para que vocês ouçam as bobagens com seus próprios ouvidos. Sei que parece perda de tempo, mas é bom para se convencer de que, embora pareça piada, o assunto é sério e muitas pessoas realmente pensam assim. Aliás, posso apostar estes dedos que agoram teclam que o cantor vai se retratar na imprensa dizendo que era "só uma brincadeirinha, imagine, eu respeito muito as mulheres".


3 comentários:

  1. Olá! Adorei seu blog, muito criativo! Também tenho um blog e gostaria que vc desse uma olhada. O endereço é: http://www.criticaretro.blogspot.com/ Passe por lá! Lê ^_^

    ResponderExcluir
  2. Lia, é o que a gente sempre diz: com o passar do tempo, a sociedade construiu um respeito pela mulher que não passou da aparência; no fundo nosso país ainda acredita piamente na inferioridade do sexo feminino e a mulher ainda é definida segundo dois estereótipos opostos: ou é submissa ou é puta. A música sertaneja, salvo (poucas) exceções, reforça esses estereótipos em suas letras; e se continua fazendo isso é porque ainda vende - exemplo claro é o fato de o cantor ser aplaudido no final, mesmo que a plateia tenha reclamado de todas as baboseiras que ele falou...

    bjinhos
    Dani

    ResponderExcluir
  3. Oi, Alessandra!
    Obrigada pela visita e pelos elogios. Dei uma passada no seu blog, é muito interessante.
    Abraços,
    Lia

    ResponderExcluir